segunda-feira, 28 de abril de 2008

Sabe o que é o Slow Food?


No Congresso "Novos Rumos, Novos Desafios na Vanguarda da Nutrição", incluído na XVIII Semana de Ciências da Nutrição, organizada pela AEFCNAUP, foi abordado o tema "Movimento Slow Food em Portugal", que decidi explorar um pouco no nosso blog...


O Slow Food é uma associação não lucrativa, nascida em Itáliaem 1986 e que originou um movimento internacional, fundado em 1989, em Paris. O movimento já tem mais de 80000 membros nos cinco continentes!




"É inútil forçar os ritmos da vida. A arte de viver consiste em aprender a dar o devido tempo às coisas" (Carlo Petrini, fundador do movimento Slow Food).




Este movimento nasceu por oposição ao Fast Food, que é prejuducial ao nosso bem-estar e qualidade de vida (segundo os membros do Slow Food).


O Slow Food propõe uma melhor qualidade de vida, priveligiando a consiência das nossas origens culinárias, desenvolvendo o intercâmbio de conhecimentos e a compreensão de outras culturas. Defende que se deve comer bem e devagar, de modo a poder apreciar e usufruir do momento.

Mensagem: É um movimento para a protecção do direito ao prazer!

Princípios:
  • Defesa da biodiversidade, da gastronomia e dos vinhos locais, que estão em risco por efeito da industrialização e standardização;

  • Educação do consumidor sobre produtos de qualidade e locais onde comer;

  • Empenho na promoção inteligente dos produtos e produtores e do consumo de vinho;

  • Naturalmente, agrupa pessoas que compartilham valores culturais, convivialidade e a apreciação da arte de viverem bem e a um ritmo mais lento.

A organização do movimento tem representantes locais que são os chamados Convivia, onde são promovidos eventos, debates e outras iniciativas.


Filosofia do Slow Food
"Comer é fundamental para viver. Melhorar a qualidade da nossa alimentação e 'arranjar' tempo para saborear, é uma forma simples de tornar o nosso quaotidiano mais prazenteiro".

Esta é uma associação aberta a todos...

4 comentários:

AnaDaniela disse...

Não conhecia este movimento, mas acho que é uma óptima iniciativa de consciencialização. Penso que se devia alargar a toto o mundo. De certeza que obteria bons resultados.

Manuel disse...

Este movimento é importante, embora na sociedade actual seja difícil de praticar. Não conhecia o Slow Food.

Manuel

Ana disse...

Já sabia que comer devagar é uma forma de manter a linha,visto que se come menos até se ficar satisfeito. Além disso, mastigando devagar a digestão faz-se melhor.
Acho útil a informação deste blog.

José disse...

Olá,

Comer devagar e... sentado !

Cumprimentos,

José